Kdenvlive no Ubuntu Studio 15.04 e Metamorphose

Para quem edita vídeos no kdenlive para autorar DVDs surge uma novidade: a opção vob cbr.
Antes o kdenlvie só renderizava em vob - e as diferenças ficavam nos formatos 4:3 e 16:9 - e entre PAL e NTSC.
Mas era sempre vob.
Agora surgiu também o vob cbr.
Visto que há pouco explicação - e difícil de encontrar - sobre o tema estamos pesquisando a diferença entre os 2 arquivos. Encontramos isso:

Explicação das diferenças entre VBR e CBR: vejamos um video AVI se aplicado VBR por exemplo, uma cena de dia claro com duas pessoas paradas, a imagem prefeita, se eles começam a correr o video vai ficar pixelado(com quadriculados), a mesma coisa se por exemplo a cena muda para uma rua escura fica tudo quadriculado, isso acontece porque o codificador entende que aquela cena não tem muitos detalhes e reduz drásicamente o bitrate para economizar e o video ficar menor, já o CBR não acontece isso por exemplo começa a codificação com o bitrate que voce definiu e vai com ele constante, dependendo do valor estipulado tens um video sem essas perdas eventuais de qualidade que o VBR proporciona.
(fonte:  http://www.vivaolinux.com.br/topico/Multimidia/Como-adicionar-opcao-rmvb-no-Hyper-Video-Converter )

É importante notar que a versão vob lhe dá agora algumas opções de ajustes na qualidade de video e áudio. Quando vamos para o vob vcr essas opções ficam travadas no kdenlive.

Nossa pesquisa continua e encontramos mais:

VBR
Bitrate Variável. É possível “encodar” áudio e vídeo com bitrate variável, o que não usa o mesmo bitrate para o arquivo inteiro (como no CBR = Bitrate Constante). Partes mais complicadas do vídeo/áudio vão receber mais bitrate para que a aparência/sonoridade seja melhor, e assim como partes menos complicadas irão receber menos bitrate. Geralmente arquivos com VBR são melhores que outros que contém CBR.
(opinião colhida em  http://tutoriaiscarpen.blogspot.com.br/2010/01/diferenca-nas-qualidades-dos-filmes.html

E o que é bitrate?
Bitrate está diretamente ligado à nitidez (qualidade) do filme/música. Quer dizer que em formatos de compressão de áudio e vídeo como MPEG3 e MPEG4, quanto maior for o bitrate mais vezes por segundo o som ou filme original estará sendo reproduzido. O bitrate pode variar, sendo que taxas mais altas de bitrate criam som/vídeo de melhor qualidade.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários passam pela Moderação antes da publicação.