Iluminação para Chroma - Dicas

Para fazer uma iluminação para chroma você precisa iluminar o ator e a tela verde (green screen).
Vamos dividir isso em 2 partes:
- iluminação do ator
- iluminação da tela verde

Para o ator você pode usar o sistema de iluminação de 3 pontos. No youtube existem video-aulas em português e em inglês mostrando a técnica.
Você vai precisar de 3 pontos de luz para o ator: luz principal, luz secundária e luz de recorte.
Aqui mesmo no blog do Estúdio Emílio Carlos abordamos essa técnica de iluminação. Veja nos posts anteriores.

Para iluminar a tela verde você vai precisar de 2 pontos de luz: um à direita e outro à esquerda.
É importante iluminar de maneira uniforme o fundo para não ter problemas depois na hora de fazer o efeito chroma. Porém nossa experiência com o Cinelerra e com o Openshot mostrou que pequenas manchas no fundo não afetam o chroma.
Por isso não é preciso neurose com a uniformidade de iluminação na tela.

Você ilumina o ator e ilumina a tela separadamente.
E é aqui que entra a relação entre as 2 iluminações: da tela e do ator:

- posicione o ator à 1,5m da tela. Se você tiver espaço coloque-o a 2 m da tela.

- evite que a iluminação do ator projete a sombra dele na tela. Para isso posicione os refletores de tal forma que a sombra do ator seja projetada para uma área que não será filmada (para baixo ou para o lado)

- evite que a luz da tela reflita nas costas do ator – e evite que a luz do ator incida sobre a tela o máximo que você puder. Com refletores simples (sem bandorns) essa é uma tarefa difícil. Todo o problema reside no seguinte: quanto mais luz verde refletida da tela o ator receber nas costas mais difícil será o recorte no chroma depois. Lembre-se que o chroma corta o verde – e vai acabar cortando parte da roupa e do cabelo do ator que estiver iluminado com a cor da tela

- a cor verde do telão para chroma (green screen) é muito viva. Um pouco da iluminação do ator vai acabar iluminando o telão verde. Quanto mais o fundo refletir a luz verde mais vai iluminar seu ator por trás. Se o telão estiver muito claro (com luz demais) sua câmera vai compensar automaticamente – e vai acabar escurecendo o ator.
Solução: ilumine menos o telão. Use difusores ou coloque os refletores mais longe do telão. E complete a luz do telão com a parte da luz do ator que você não consegue eliminar.

- Outra ideia é a iluminação de 3 pontos – descrita aqui no blog em posts anteriores. Nela você usa a luz principal e a secundária do ator para iluminar o fundo.

- Para resolver o problema da luz verde refletida nas costas do ator outra dica é a contra-luz. Use uma contra-luz que seja mais forte que o verde refletido. Se puder use contra-luz vermelha para o cabelo e ombros do ator. Isso corta a luz verde refletida do telão – e facilita muito na hora de fazer o efeito chroma.

Não coloque luz demais nem no ator nem no telão. Mas também não deixe o ator no escuro.
A melhor iluminação para chroma é a balanceada: que ilumina corretamente o ator e o fundo.
Ou seja: não é para o ator ficar no escuro – nem o telão verde.
Ocorre que o telão com verde chroma parece ter luz própria. Qualquer iluminação que você jogar nele, pronto! Ele brilha!
Por isso o telão precisa de menos luz do que o ator.
Lembre-se: se você iluminar demais o telão ele vai brilhar para a câmera. A filmadora vai ver um objeto na frente do fundo claro e vai escurecer tudo. Daí seu ator fica no escuro – e o resultado na hora do efeito chroma será horrível.

Resumindo:

- ilumine o ator (note que uma parte da luz dele já vai para o telão verde)
- complete a iluminação do telão. Não deixe sombras. Não ilumine demais o fundo.
- capriche na contra-luz do ator para eliminar o reflexo do fundo sobre ele

O esquema de iluminação de 5 pontos fica assim:
(clique na imagem para amplia-la)



Para testar o esquema de 3 pontos de luz = desligue as luzes do telão.

Entre para o grupo ArtistX e receba gratuitamente notícias sobre Edição de vídeo no linux:

Assinar artistx


Desenvolvido por br.groups.yahoo.com

Teste de chroma feito no Cinelerra e no Openshot

Em maio de 2011 fizemos novos testes de chroma.
Dessa vez usamos refletores para lâmpada fria.
Segundo o fabricante cada refletor aceita uma lampada de até 30 W – o que corresponde a 120W de luz normal.
Usamos lampadas de 25w – uma para cada refletor.
Em cada refletor colamos um pedaço de papel manteiga (adquirido em papelarias) como difusor de iluminação. O pedaço de papel foi colado diretamente no refletor.
Nos testes de 2010 estávamos com problema de excesso de luz. Na ocasião usamos refletores com lampadas halogenas de 150w. Como foi muito decidimos trabalhar com lampada fria com potência menor e com difusor de papel manteiga.
Atenção: se você colocar papel manteiga no refletor de lampada halogena o papel pegará fogo por causa do intenso calor da lampada halogena. Só foi possível usar o papel como difusor agora por ser lampada fria.



Fizemos 7 testes e selecionei os 4 resultados melhores.
Esses são os esquemas de luz dos testes que você vai ver agora.

- Esquema 1 de iluminação = 3 pontos para a atriz (a luz principal e a secundária também iluminam a tela verde)



- Esquema 2 de iluminação = 3 pontos para a atriz e 2 pontos de luz para a tela verde


2 testes de chroma estão no Openshot e 2 no Cinelerra.
Em todos os testes foi usado a filmadora Panasonic GS 150 (a mesma filmadora dos testes de 2010).

- Teste 1 no Openshot- aqui temos o esquema de iluminação de 3 pontos: luz principal, secundária e de recorte. A luz de recorte é vermelha. Para isso colamos papel celofane vermelho no refletor de luz fria.
Como a tela verde é bem clara a luz da atriz acaba iluminando o fundo verde. Isso acontece mesmo que você direcione toda a luz para a atriz. O reflexo da luz vai acabar iluminando o fundo.
No Openshot usamos o efeito chroma com a regulagem automática de 0,10. É possível aumentar ou diminuir essa regulagem.
Notamos uma melhora no recorte dos ombros da atriz (em relação aos testes de 2010). Porém há uma flutuação no cabelo e um pouco entre os dedos que foram propositalmente abertos contra o fundo verde. Um truque que funciona bem aqui é manter as mãos na frente do corpo. Isso elimina o problema do recorte contra o fundo verde – e eu já vi esse recurso sendo usado em algumas filmagens do youtube.



- Teste 3 no Openshot – aqui temos os 3 refletores da atriz e mais 2 refletores para o fundo. Esses 2 refletores também tem difusor.
Usando a regulagem automática do Openshot para chroma (0,10) percebemos que agora a imagem toda ficou mais estável. O recorte não tremula mais, e vemos uma aura verde em torno da atriz.
Um recurso usado para disfarçar o recorte é usar um cenário atrás em movimento (um animação por exemplo) ou com desenhos contendo também o verde chroma.
Se aumentarmos a regulagem do chroma do Openshot a aura verde diminue. Fomos de 0,10 até 0,16 e a aura diminuiu consideravelmente. Porém em 0,16 já se percebe um serrilhado em volta da atriz.



- Teste 1 no Cinelerra – teste com a tomada de 3 refletores na atriz e sem luz para o fundo.
Utilizamos o chroma HSV + efeito Blur para desfocar as bordas.
Depois disso corrigimos a cor com o Color Balance, pois achamos que o efeito chroma sempre tira cor da atriz.
Na figura abaixo você vê a regulagem dos efeitos. Clique na foto para amplia-la.



O resultado do chroma no Cinelerra foi muito superior ao obtido em 2010.
Observe que o recorte das mãos está muito bom, assim como o recorte dos ombros.
O recorte do cabelo também melhorou muito, embora esteja com uma pequena flutuação.. Ficamos com um pequeno serrilhado nas laterais da camiseta da atriz e uma pequena flutuação no cabelo. Também notamos que a imagem da atriz ficou mais desfocada – o que se deve ao efeito Blur aqui em 8.
Nos testes usamos para o Blur nível 4 e 5. Mas em 8 foi onde ele disfarçou melhor o serrilhado do corte da atriz.



- Teste 3 no Cinelerra - teste com a tomada de 3 refletores na atriz e 2 refletores para o fundo.
Utilizamos o chroma HSV + efeito Blur para desfocar as bordas.
Depois disso corrigimos a cor com o Color Balance, pois achamos que o efeito chroma sempre tira cor da atriz.
Observe que o recorte das mãos está muito bom, assim como o recorte dos ombros.
O recorte do cabelo melhorou e a flutuação diminuiu mais. Também o serrilhado nas mãos diminui muito (em relação à tomada anterior). Não usamos o sistema de máscara separando as mãos da cabeça como o Paulo do Dominando Cinelerra explicou no blog (abaixo explicarei porque) e mesmo assim o resultado das mãos melhorou muito.
No blur dessa vez usamos o fator 5 suavizando o recorte. Isso não afetou a nitidez da imagem da atriz dessa vez.




Conclusões:

- O Openshot é um programa que promete muito. Com poucos recursos ele faz um chroma bom. Dependendo da sua finalidade você pode usá-lo tranquilamente.
- Um dos fatores mais importantes para o chroma é de fato a iluminação. Conseguimos resultados ainda melhores com luz difusa.
- Atenção: nunca se esqueça de bater o branco antes de começar a filmar, seja com qual lampada for. Nós batemos o branco com as luzes difusas acesas e com a luz vermelha desligada. A intenção era que a luz vermelha aparecesse atrás da atriz para ajudar no recorte do chroma, “anulando” o reflexo verde da tela.
- O melhor resultado de chroma, tanto no Cinelerra como no Openshot, foi obtido com o esquema de 3 luzes para a atriz e 2 luzes para o fundo.

Para os nossos objetivos precisaremos iluminar mais a atriz. Isso pode ser conseguido com os refletores de luz fria:
comprando lampadas de 30W ou mais um pouco (observação: ver se lampadas maiores de 30W cabem no refletor)
ou tirando os difusores dos refletores. Na verdade quando começamos a afinar as luzes para o teste as luzes principal e secundária da atriz não tinham difusores. Entretanto isso se mostrou incômodo aos olhos da atriz, que involuntariamente contraia as pupilas – não importando a altura em que se punha os refletores nem a posição dos mesmos (mais para frente ou para trás). Foi assim que decidimos colocar os difusores também nas luzes principal e secundária acabando com o incômodo da atriz.

Espero que esses estudos sobre chroma no Cinelerra e no Openshot possam ajudá-lo. Poste aqui os testes que você fizer com chroma-key no Cinelerra e também no Openshot.

Entre para o grupo ArtistX e receba gratuitamente notícias sobre Edição de vídeo no linux:

Assinar artistx


Desenvolvido por br.groups.yahoo.com

Tecidos para fazer o telão do chroma




Uma boa opção é o feltro. Você encontra no verde usado para chroma - e o metro do feltro hoje está por volta de 8 reais.
Fizemos um telão de 2m x 2m. Com isso foi preciso uma costura na parte de baixo do telão, porque a altura do feltro é de 1,50m.
Outra possibilidade que vi na net é a lycra - mas não sei qual o preço. Minha dúvida é se ela não é muito brilhante e assim refletiria a luz.
Existe também um brim conhecido aqui como Brim Bras-pérola - mas não vi ainda na cor verde chroma (apesar que sabemos que o Cinelerra faz chroma com qualquer cor).
Outro tecido que é bom, mais barato que o feltro, amassa pouco e é fácil passar (se você quiser desmontar o telão) é o Oxford. Tem um tom de verde interessante, que é bem homogêneo.

Entre para o grupo ArtistX e receba gratuitamente notícias sobre Edição de vídeo no linux:

Assinar artistx


Desenvolvido por br.groups.yahoo.com

Como fazer um telão para chroma-key desmontável

Nosso telão para chroma foi feito com canos de PVC de 1 polegada.
São canos brancos utilizados para encanamento de esgoto - mas você pode usar também canos de água de 1 polegada (que são mais caros).
O esquema do telão está embaixo:



O telão de chroma foi feito para ser desmontado.
Algumas peças são coladas - outras só encaixadas.
As peças coladas são as seguintes:
- em cima: os 2 cotovelos e o cano horizontal
- as peças laterais: cano + tee no meio

As outras peças são soltas e só encaixadas. Como?
É fácil: pegue o cano que não vai ser colado e com uma serrinha faça um corte bem no meio do cano de cerca de 3 cm. Pronto! Agora encaixa e fica firme - e é fácil de desencaixar também e guardar em qualquer lugar.
Note que temos dois "pés" segurando toda a estrutura. Cada pé é feito assim:
uma luva de 4 polegadas com redutor para 1 polegada no meio.
Embaixo cola-se uma tampa e em cima cola-se vários redutores até chegar em 1 polegada.
Isso para encaixar depois os canos de 1 polegada.
Cole a tampa na luva de 4 polegadas e encha de concreto para dar peso. Lembre-se: é o pé que vai segurar o telão do chroma. Depois cole todas as reduções na parte de cima terminando de montar o pé.

Cole também nas laterais dos canos velcro. Isso serve para você fixar depois o telão de chroma feito de feltro - como ensinei no outro artigo.
Pronto: seu telão para chroma está feito à custo baixo. E você pode fazer no tamanho que quiser.
Importante: não use canos mais finos que 1 polegada para não entortar.

Quem desenvolveu esse telão foi o Emílio Carlos, nosso diretor e engenheiro de cenários.

Entre para o grupo ArtistX e receba gratuitamente notícias sobre Edição de vídeo no linux:

Assinar artistx


Desenvolvido por br.groups.yahoo.com

Fundo para chroma-key

Achamos um tecido chamado feltro que é o verde mais chroma que eu já vi até hoje.
Sei que podemos fazer chroma com qualquer cor de fundo (e que se evita o vermelho por causa de tons de pele). Mas esse verde que encontramos é igualzinho o de chroma.
O bom do pano é que lava, passa, costura. Tanto que serão costurados velcros nas bordas do feltro para se fixar a tela numa moldura de cano plástico de 1 polegada. Já há velcros colados nos canos.
A intenção é poder desmontar a tela após os testes e guardar. Note que o feltro tem 1,40m de altura. Como precisamos de uma tela 2x2m haverá uma costura jogada na parte de baixo do quadrado da tela.
O feltro tem uma cor bem homogênea o que facilita o chroma. Pensamos também no TNT (que é bem mais barato) mas o tom verde dele é muito manchado.
Para costurar o velcro no feltro nossa produtora vai costurar junto com uma tira de tecido. Ou seja: será um sanduíche de velcro-tecido-feltro. Isso reforça o velcro para que se possa montar e desmontar à vontade sem rasgar o feltro.
Fica a dica para fundo.Veja o esquema de costura abaixo:



Entre para o grupo ArtistX e receba gratuitamente notícias sobre Edição de vídeo no linux:

Assinar artistx


Desenvolvido por br.groups.yahoo.com